mimb_apoio_roxo-01.png

co-realização:

MIMB_2021_ROXO.png
mimb_apoio_roxo-02.png

A Mostra itinerante de Cinemas Negros - Mahomed Bamba (MIMB) é um festival internacional de cinema que promove a difusão das produções de realizadores negros. Em sua 4° edição a programação será via plataformas onlines: VídeoCamp, YouTube e Zoom. Além das exibições de filmes, serão oferecidas atividades formativas como: oficinas, masterclasses, debates, apresentações culturais e a 2º edição do concurso cultural de curtas de 1 minuto, para jovens negr(a)os oriund(a)os de periferias do Brasil.

PREMIAÇÕES DE FILMES

 

A MIMB 2021 irá premiar 5 obras com sessão competitiva dentro da plataforma VideoCamp no valor de R$1.000,00 nas categorias: melhor filme, melhor direção, melhor montagem, melhor roteiro, melhor fotografia e melhor atuação tendo votação popular através da própria aba do filme na plataforma VideoCamp onde os filmes selecionados pela chamada regular serão hospedados.

 

CURADORIA

 

A curadoria contará com 30 filmes nacionais e internacionais, que serão transmitidos durante 10 dias na plataforma VídeoCamp. Entre curtas e longas-metragens, a programação pode ser filtrada tanto pelos tipos dos filmes quanto pelos gêneros, que incluem documentários, dramas, animações, entre outros. Propondo um diálogo com outras iniciativas de cinemas negros, a MIMB convida curadores brasileiros e estrangeiros para construir essa seleção.

 

 

2º EDIÇÃO DO IMPULSO CULTURAL

WAWA ABA - SEMENTES DA ÁRVORE

 

Nesta edição, o festival conta com a 2º edição do concurso cultural de filmes produzidos com celular que foi um sucesso em 2020. A atividade é voltada para jovens negros oriundos de escolas e/ou bairros periféricos de Salvador. Intitulado Wawa Aba - Sementes da Árvore, o concurso premiará 12 obras de 1 minuto, com valor de R$500,00 levando em consideração o contexto atual de isolamento social.

 

WAWA ABA "semente da árvore wawa". Símbolo da rusticidade, resistência e perseverança. A semente da árvore wawa é extremamente difícil. Que inspira o indivíduo a perseverar através das dificuldades. O concurso que foi um grande potencial da 3º edição da MIMB 2020, diante da grande mobilização, relevância e diálogo com o público se repetirá em 2021. Neste sentido, o nome do concurso faz alusão aos jovens numa metáfora enquanto “sementes vivas”, com a colaboração e papel importante da juventude negra, descendentes dos saberes ancestrais e legado histórico da nossa comunidade, das raízes e resistência das matrizes culturais indígenas e africanas no Brasil. 

 
Mimb_Barradelogos-01.png

apoio financeiro:

MIMB_arabesco-rosa.png